1 ano do incêndio no Museu Nacional: o antes, o depois e o futuro em imagens

Fotógrafo Custodio Coimbra mostra, em vídeo, fotos do Museu Nacional antes e depois de ter sido consumido por incêndio, há 1 ano, e resgata entrevista com diretor.

Por Custodio Coimbra | ODS 11Vídeo • Publicada em 10 de setembro de 2019 - 21:35 • Atualizada em 7 de abril de 2020 - 17:10

Compartilhe

Sem dúvidas, o mês de setembro de 2018 ficou marcado, no Brasil, pelo devastador incêndio que tomou conta e destruiu boa parte do Museu Nacional, no Rio. O espaço, criado por D. João VI em 1818, é um dos mais importantes para o país quando o assunto é a memória da própria nação. Em seu novo ensaio para o #Colabora, o fotógrafo Custodio Coimbra mostra, em imagens compiladas no vídeo acima, o antes e o depois do local, agora, um símbolo de resistência. São fotos das peças mais emblemáticas, do dia seguinte ao incêndio, captadas, inclusive, por drones. De bônus, o vídeo ainda resgata duas entrevistas do diretor do Museu, Alexander Kellner: um de três meses antes do incêndio, e outra recente, do início de setembro de 2019, em que ele aponta os desafios e as metas para o futuro. Confira!

Clique aqui para conferir outros vídeos com fotogalerias de Custodio Coimbra

Custodio Coimbra

Fotógrafo de imprensa há 36 anos, Custodio Coimbra, 61 anos, passou pelos principais jornais do Rio e há 25 anos trabalha no jornal O Globo. Nascido no Rio de Janeiro, é hoje um artista requisitado entre colecionadores do mercado de fotografia de arte. Além de fotos divulgadas em jornais e revistas mundo afora, participou de dezenas de mostras coletivas no Brasil e no exterior. Tem sua obra identificada com a história e a paisagem do Rio de Janeiro.

Newsletter do Colabora

Nossa newsletter é enviada de segunda a sexta pela manhã, com uma análise do que está acontecendo no Brasil e no mundo, com conteúdo publicado no #Colabora e em outros sites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *