• O Boulevard Olímpico, idealizado para os pedestres, hoje ocupado por barracas. Foto Joaquim Ferreira dos Santos

    Publicado em

    Cidades de pedestres

    Caminhabilidade é uma palavra que não caminha bem pelo Rio. Quando pronunciada numa conversa, corre-se o risco de tropeçar em uma de suas sete sílabas, verdadeiros paralelepípedos atirados contra a boa fluência da oratória. Quando praticada pelas calçadas, a caminhabilidade corre o risco de tropeçar em alguma adversidade urbana, coisas como buracos, fradinhos, camelôs, postes, […]

    Leia mais

  • O profeta Gentileza, um dos muitos personagens das ruas do Rio. Foto de divulgação

    Publicado em

    Procura-se um maluco-beleza

    Tinha a calçada, e no meio dela, como se fosse um totem vivo, tinha o maluco beleza da região. O Profeta Gentileza, depois tornado música da Marisa Monte, era um deles. Vestia-se de bata branca, pregava contra o pecado e, num design lindo, escrevia mensagens escalafobéticas nas paredes do Centro. Não provocava medo, mas carinho. […]

    Leia mais

  • O novo elevado do Joá foi um dos pivôs da polêmica em torno do asfalto na cidade

    Publicado em

    O asfalto é inocente

    No dialeto eternamente mutante das ruas do Rio, asfalto virou antítese de favela, dentro da metáfora inspirada no calçamento das ruas dos ricos – e na falta dele onde vive o andar de baixo da pirâmide social. Mas desde sempre a palavra viaja acompanhada de lamúrias e resmungos, pelas incontáveis irregularidades em vias que cortam […]

    Leia mais

  • Parque que está sendo construído em Manguinhos, Zona Norte do Rio, volta a privilegiar as vias para carros e ônibus

    Publicado em

    A mobilidade urbana sob o olhar atento das nossas crianças

    Um indicador se uma cidade é bem planejada, com mobilidade urbana bem articulada, é o olhar das crianças. Áreas onde as crianças preferem andar são provavelmente as áreas onde a cidade está mais desenvolvida, mais humana, mais agradável. Meus filhos compartilham comigo seus olhares. Julia, de sete anos, não gosta das pedras portuguesas porque as […]

    Leia mais