Energia eólica ultrapassa a nuclear

Produção cresceu 17% em 2015 puxada pelos investimentos chineses

Por #Colabora | fotogaleria ods7 • Publicada em 24 de fevereiro de 2016 - 08:08 • Atualizada em 24 de fevereiro de 2016 - 11:12

Dabancheng Wind Farm, Xinjiang, China

Pela primeira vez na História, a capacidade instalada de geração de energia eólica mundial ultrapassou a nuclear. Os dados se referem ao ano de 2015 e foram divulgados esta semana pelo Global Wind Energy Council, pela World Nuclear Association e outras entidades ligados setor. A geração de energia eólica atingiu, no ano passado, a marca de 432,42 GW, enquanto a capacidade nuclear ficou em 382,55 GW. Segundo as entidades, a energia eólica cresceu 17% em 2015, quando comparado com o ano anterior. Os novos parques eólicos instalados somente no ano passado representaram cerca de 63 GW, o que corresponde a 60 reatores nucleares.

A China lidera o mercado global de energia gerada pelos ventos, com 145 GW de capacidade, o que é mais do que toda a matriz energética brasileira. Desse total, aproximadamente 30 GW foram instalados em 2015. Com isso, a China ultrapassou a União Europeia em geração eólica. Mesmo assim, 80% da sua eletricidade ainda vem do carvão. Os Estados Unidos são o segundo maior produtor de energia eólica, seguidos da Alemanha, da Índia e da Espanha. Para celebrar a novidade, o #Colabora resolveu publicar uma fotogaleria com belas imagens de parques eólicos em dez países do mundo, inclusive no Brasil.

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *