Malwee lança laboratório para trabalhar em parceria por moda sustentável

Guilherme Weege, CEO do Grupo Malwee, em painel sobre moda sustentável na COP26: laboratório para desenvolvimento em parceria de produtos sustentáveis (Foto: Divulgação)

Durante evento na COP26, CEO do grupo apresenta Plano ESG 2030 e explica iniciativa para promover inovação e desenvolvimento de produtos

Por #Colabora | ODS 12 • Publicada em 11 de novembro de 2021 - 18:08 • Atualizada em 11 de novembro de 2021 - 18:10

Compartilhe

Guilherme Weege, CEO do Grupo Malwee, em painel sobre moda sustentável na COP26: laboratório para desenvolvimento em parceria de produtos sustentáveis (Foto: Divulgação)

Em evento na COP26, o grupo Malwee – uma das principais empresas de moda do Brasil, com 82 lojas próprias, anunciou a criação de um laboratório de inovação em sustentabilidade na moda, que funcionará em parceria com outras marcas, além de instituições de ensino, profissionais e startups para o desenvolvimento de produtos sustentáveis. “”Não adianta ser o mais sustentável sozinho, vamos compartilhar nossas práticas e também fazer um convite para a mudança”, disse o CEO do Grupo Malwee, Guilherme Weege, em evento organizado pela ONG RTCC (Responding to Climate Change), instituição que é observadora oficial da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), da Convenção para a Diversidade Biológica (CDB) e da Convenção das Nações Unidas para o Combate à Desertificação (UNCCD).

Batizado de Malwee Transforma, o laboratório pretende atuar no desenvolvimento e evolução de produtos confecinados de forma inovadora, na criação de um hub digital para gerar informação e conhecimento sobre produtos e práticas mais sustentáveis, no compartilhamento de informações entre indústrias para promover soluções mais sustentáveis no jeito de produzir moda; e na capacitação de profissionais. “O Malwee Transforma é um lugar de encontro para gerar parcerias, fortalecer e disseminar uma nova forma de produzir e consumir moda. Sabemos que a sustentabilidade no seu sentido mais amplo está diretamente ligada à colaboração e acreditamos muito nessa união para mudar o futuro”, acrescentou Weege.

Leu essa? Crise climática faz moda submergir na Ásia

De acordo com a Malwee, o projeto, neste momento nasce com iniciativas digitais, mas a ideia é evoluir e ter um formato físico. A partir do segundo semestre de 2022, quando o grupo acredita que o retorno às atividades presenciais estará em fase mais avançada de normalização, a ideia é que o Malwee Transforma passe para um formato híbrido, com ações em universos físicos e digitais. “Várias marcas que estão surgindo falam de sustentabilidade, mas ainda não têm ação prática e isto pode ser um desserviço ao consumidor. Queremos colaborar para que, de fato, as marcas consigam ser mais sustentáveis”, afirmou o CEO do Grupo Malwee.

Objetivo do Malwee Transforma é lançar produtos feitos de forma mais sustentável, seja usando uma matéria-prima de menor impacto, ou com processos de produção menos agressivos ao meio ambiente, com economia de água, energia renovável, upcycling, processos ligados ao conceito da moda circular e reciclagem de roupas. “Temos um compromisso com a busca por inovações e soluções para diminuir nosso impacto ambiental e para um futuro menos poluente na moda”, destacou Guilherme Weege, durante o painel O Tema da Moda Sustentável: um desafio para o futuro (The Sustainable Fashion issue: a challenge for the future), promovido pela RTCC no espaço da África do Sul na COP26.

No evento, o Grupo Malwee também lançou seu Plano ESG 2030, com o planejamento para a década com foco na sustentabilidade. O laboratório Malwee Transforma faz parte do plano, que teve a participação de mais de 100 pessoas e busca, segunda a empresa, priorizar o alinhamento dos negócios aos conceitos da economia circular e olhar o consumidor como agente de transformação social. “Este plano reforça nossa transparência e vontade de munir o consumidor com informações para que ele exija mais das empresas de moda e de outros segmentos”, disse afirmou Weege, que é embaixador pelo clima da Rede Brasil do Pacto Global da ONU.

#Colabora

Texto produzido pelos jornalistas da redação do #Colabora.

Newsletter do Colabora

Nossa newsletter é enviada de segunda a sexta pela manhã, com uma análise do que está acontecendo no Brasil e no mundo, com conteúdo publicado no #Colabora e em outros sites.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *