• Bombeiros trabalham no rescaldo de um incêndio provocado pelo furacão Sandy em Nova York. Foto Spencer Platt/Getty Images/AFP

    Publicado em

    Lições de Nova York para o Rio

    Eu vi. Estava em Nova York quando a cidade viveu a pior tragédia natural de uma geração. Foi a passagem do furacão Sandy, um choque para os nova-iorquinos, mas muito menos assustador para cariocas acostumados com as tempestades do Rio. Bem ao estilo de Manhattan, antes da hora marcada para o furacão chegar, numa terça-feira […]

    Leia mais

  • Fábrica de compressores na Alemanha. O país é um dos que mais investe em inovação e eficiência energética. Foto Sebastian Kahnert/DPA

    Publicado em

    Ar-condicionado: custo e risco

    As primeiras análises dos peritos não deixam dúvidas. A causa do incêndio que provocou a morte dos dez jovens atletas das categorias de base do Flamengo foi um curto-circuito no ar-condicionado. Resta saber se ele foi ocasionado por um pico de energia, pelas chuvas dos últimos dias, falha na instalação do aparelho ou simplesmente por […]

    Leia mais

  • Familiares e amigos oram pelas vítimas da tragédia de Brumadinho. Foto Mauro Pimentel/AFP

    Publicado em

    Cálculos desumanos da Vale

    De um modo geral, existem, basicamente, três tipos de empresa. O primeiro grupo é formado pelos negócios que visam o lucro a qualquer custo, mesmo que seja à margem da lei. Investem pesado em bons advogados, no financiamento de campanhas eleitorais, protelam o pagamento de multas e seguem a vida. São muitas. O segundo time […]

    Leia mais

  • Emerson dos Santos, nos escombros de sua casa, diante do mar de rejeitos: "Vi árvores e pessoas desaparecendo na lama" Foto de Mauro Pimentel (AFP)

    Publicado em

    Mariana, Brumadinho e o desprezo brasileiro pela vida

    “A barragem rompeu, a barragem rompeu!” Quando entrevistei os sobreviventes do colapso da barragem de Fundão, da mineradora Samarco, para escrever o livro “Tragédia em Mariana”, todos eles relatavam essa frase, passada de boca em boca, nos momentos de desespero, enquanto corriam para tentar escapar da avalanche de lama de rejeitos que se aproximava. Assistindo […]

    Leia mais

  • Equipes de resgate carregam os corpos das vítimas da tragédia de Brumadinho. Foto Lucas Bois/Anadolu Agency

    Publicado em

    O maior acidente de trabalho da história do Brasil

    Ninguém sabe ainda, exatamente, qual será o número final de vítimas da tragédia provocada pelo rompimento de uma barragem da mina Córrego do Feijão, em Brumadinho.  Nem mesmo se todos serão encontrados. Até agora, as estatísticas do Corpo de Bombeiros falam em 121 mortos e mais de 200 desaparecidos. Duas certezas, no entanto, se destacam […]

    Leia mais

  • Morador observa o mar de lama na região de Brumadinho após o rompimento da barragem da Vale. Foto Doug Patrício/DPA

    Publicado em

    Ganância e improbidade

    A tragédia desta sexta-feira, 25 de janeiro de 2018, pelo rompimento de uma barragem da mina do Córrego do Feijão, da Vale S.A, é apenas mais uma das muitas que vêm aterrorizando a região, numa periodicidade média de aproximadamente um desastre a cada três anos. O número de vítimas fatais não é proporcional ao tamanho […]

    Leia mais

  • A primeira usina solar de Chernobil fica a 14 quilômetros da antiga usina nuclear. Foto STR/NurPhoto

    Publicado em

    Energia solar em Chernobil

    Chernobil, Ucrânia, União Soviética. 26 de abril de 1986. Técnicos da usina nuclear tentam fazer um teste de segurança e acabam provocando uma reação em cadeia. A operação terminou com a explosão do reator 4. Trinta pessoas morreram na hora e nos dias sofridos que se seguiram. Não se sabe até hoje a extensão da […]

    Leia mais

  • Há 50 anos, a tragédia vista da General Glicério. Uma pedra imensa rolou, derrubou uma casa, dois prédios e deixou 120 mortos. Foto Agência Globo

    Publicado em

    Memórias de uma tragédia

    Quando acordei, estava tudo escuro e a casa era um pandemônio, com todo mundo gritando para as crianças, que nada entendiam, ficarem calmas. Eu e meus irmãos – 5, 4 e 3 anos – fomos vestidos às pressas por minha mãe e a babá à luz de velas. Descemos 11 andares de escada, com meu […]

    Leia mais