rio de janeiro

Entrada aleatória RSS

  • O nivel do Rio Guapi-Macacú, no local onde é feita a captação da água, muito abaixo dos volumes normais. Foto Custódio Coimbra

    Publicado em

    Sem água em 2035

    O maior loteamento plano da América Latina, o bairro de Jardim Catarina, em São Gonçalo, Região Metropolitana no Rio, tem vivido dias tensos: são constantes os confrontos entre policiais e grupos de traficantes. Esse é, porém, apenas o drama mais evidente de um local que padece com graves problemas de infraestrutura. Um deles é a […]

    Leia mais

  • Publicado em

    #Colabora: 2 anos de fracasso

    Em uma de suas frases mais famosas, o antropólogo Darcy Ribeiro confessava, sem meias palavras, ter fracassado em tudo que tentou na vida: “Tentei alfabetizar as crianças brasileiras, não consegui. Tentei salvar os índios, não consegui. Tentei fazer uma universidade séria e fracassei. Tentei fazer o Brasil desenvolver-se autonomamente e fracassei”. E completava: “Mas os […]

    Leia mais

  • Publicado em

    Vocês nada sabem sobre paz

    Quando os governos anunciam estratégias para “garantir a paz”, a expressão parece fazer sentido para quase todo mundo. Não importa se são moradores dos bairros mais nobres da cidade ou das favelas cariocas, todos sonham apenas com a possibilidade de viver em paz. O problema é que a definição de paz para quem mora no […]

    Leia mais

  • Se já é difícil manter a temperatura em veículos com ar condicionado, os que não têm equipamento adequado dificilmente poderão continuar circulando

    Publicado em

    O sofrimento diário

    Em 2013 tudo foi mais explosivo e engajado, as lutas nas ruas tinham voz. Em algum momento as bandeiras ficaram confusas, mas ninguém se esquece como as jornadas começaram: primeiro foram os 20 centavos, e logo em seguida foi o desejo de qualidade de vida numa cidade menos excludente e mais justa. Imediatamente, no Rio […]

    Leia mais

  • Uma das muitas vistas deslumbrantes do Rio enquadrada pela lente de Custódio Coimbra

    Publicado em

    Janelas urbanas

    Pelo recorte, a composição e o enquadramento, a fotografia é feita de muitas janelas, janelas de olhar e apreciar. No flanar iconográfico, vamos encontrar imagens fixas, tomadas com serenidade e paciência de janelas-mirantes. Elas estão nos fortes da Baía de Guanabara, nos campanários das igrejas, no pano de vidro do Museu de Arte Contemporânea, nos […]

    Leia mais

  • Os jovens e elegantes rapazes do Eton College no intervalo entre as aulas. Foto TIM GRAHAM / Robert Harding Heritage

    Publicado em

    No balneário da cortesia

    O Rio de Janeiro é uma cidade que exige a máxima educação dos seus habitantes, especialmente daqueles que precisam lidar com serviços. Se você não estudou em Eton, numa daquelas escolas de etiqueta da Suiça ou mesmo na Socila, vai sofrer até para comprar um picolé. Os cariocas que trabalham com comércio são muito exigentes […]

    Leia mais

  • No meio do caminho havia um salsichão, um skate, uma bicicleta e quem sabe até um tanque do Exército. Foto Luiz Souz/NurPhoto

    Publicado em

    Uma caminhada tensa

    Não há nada mais estressante no fim de semana carioca do que o falso footing relax nos calçadões. Escolha um. O de Ipanema, o de Copacabana, o do Aterro, o da Lagoa. Todos neurotizantes. Tênis, camiseta e Rivotril. A ideia era a de que as pessoas pudessem finalmente deixar o esgotamento nervoso no escritório, o […]

    Leia mais

  • Publicado em

    O passado marcha no Rio

    Vale a pena ler de novo: “Exército assume o comando do combate à violência no Rio”, “General quer fim do poder do tráfico”, “Exército quer prender 300 no Rio”,  “Exército bloqueia o tráfico em cinco favelas”. As manchetes, que parecem ter sido publicadas semana passada, têm quase 23 anos, estamparam capas de O Globo e […]

    Leia mais

  • O Boulevard Olímpico, idealizado para os pedestres, hoje ocupado por barracas. Foto Joaquim Ferreira dos Santos

    Publicado em

    Cidades de pedestres

    Caminhabilidade é uma palavra que não caminha bem pelo Rio. Quando pronunciada numa conversa, corre-se o risco de tropeçar em uma de suas sete sílabas, verdadeiros paralelepípedos atirados contra a boa fluência da oratória. Quando praticada pelas calçadas, a caminhabilidade corre o risco de tropeçar em alguma adversidade urbana, coisas como buracos, fradinhos, camelôs, postes, […]

    Leia mais