Agrotóxicos em pauta: #Colabora e Alter lançam bolsas de reportagem

Avião pulveriza com pesticida plantação de soja no Oeste da Bahia: bolsas de reportagem para investigar impacto dos agrotóxicos (Foto: Miriam Fichtner)

Iniciativa - em parceria com a Fundação Heinrich Böll – selecionará três projetos jornalísticos que receberão R$ 10 mil cada

Por #Colabora | ODS 15ODS 2ODS 3 • Publicada em 15 de fevereiro de 2022 - 08:15 • Atualizada em 16 de março de 2022 - 08:11

Compartilhe

Avião pulveriza com pesticida plantação de soja no Oeste da Bahia: bolsas de reportagem para investigar impacto dos agrotóxicos (Foto: Miriam Fichtner)

O Brasil tem atualmente 3.231 agrotóxicos autorizados para comercialização no país, com impactos na saúde e no meio ambiente. Para promover e aprofundar o debate sobre o uso desses pesticidas e suas consequências, a Alter Conteúdo Relevante e o #Colabora – em parceria com a Fundação Heinrich Böll – estão lançando esta bolsa de reportagem que selecionará três pautas sobre o tema a serem desenvolvidas nos próximos meses. Cada bolsa terá o valor de R$ 10 mil.

ATENÇÃO: Clique aqui para preencher o formulário de inscrição

Nos últimos anos, o Brasil intensificou o apoio ao agronegócio brasileiro e está mais aberto para receber, autorizar e promover novas (bio) tecnologias sob o argumento de aumentar a produção e produtividade. Com isso, apenas em 2021, foram liberados 562 agrotóxicos – um recorde, 14% a mais do que os 490 autorizados em 2020, então a maior marca anual.

Segundo o Dossiê ABRASCO, amplo estudo sobre agrotóxicos produzido pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva, os pesticidas afetam a saúde humana e contaminam os alimentos, os solos e a água. O debate sobre esses produtos fica ainda mais oportuno no momento que o nosso país retorna ao Mapa da Fome, ao mesmo tempo que o agronegócio brasileiro bate recordes de produção e o governo autoriza número recorde de novos agrotóxicos.

Este projeto de bolsa selecionará três propostas de reportagem que podem investigar os impactos dos agrotóxicos na saúde humana, animal, contaminação de alimentos, solos e água, reflexos em questões raciais e de gênero, alternativas ao uso de agrotóxicos, políticas públicas e lobby para aprovação de novos agrotóxicos no país. Os responsáveis pela iniciativa querem, além do debate sobre o tema, incentivar o jornalismo investigativo e independente.

No formulário de inscrição, o autor deverá detalhar sua proposta de pauta, com pesquisa inicial e possíveis fontes, e apresentar seu plano de trabalho, incluindo tempo de pesquisa, métodos jornalísticos a serem empregados e produtos a serem entregues (texto, fotos, vídeo, infográficos).

Confira aqui (ou abaixo) o regulamento

As inscrições devem ser feitas até 23h59m do dia 15 de março de 2022. O anúncio dos projetos selecionados para receberem as bolsas será feito a partir de 31 de março. Os jornalistas terão até três meses para desenvolver suas pautas. As reportagens serão publicadas no site do #Colabora. Dúvidas sobre as bolsas devem ser enviadas para o e-mail bolsareportagem@alterconteudo.com.br

Regulamento

Esta iniciativa – reunindo a Alter Conteúdo Relevante e o #Colabora, em parceria com a Fundação Heinrich Böll – tem como objetivo conceder três bolsas, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais) cada, para a produção de reportagens investigativas sobre o tema agrotóxicos.

ATENÇÃO: Clique aqui para preencher o formulário de inscrição

Das inscrições
Os projetos inscritos devem ser apresentados por jornalistas profissionais, diplomados ou não, com comprovada experiência em realização de pautas de maneira independente.
As inscrições devem ser feitas até 23h59m do dia 15 de março de 2022, através do formulário de inscrições. Os responsáveis pela proposta receberão a confirmação das suas inscrições por e-mail.
As propostas de reportagem inscritas podem ter um ou mais autores, devidamente identificados.
Os projetos inscritos devem, de acordo com os requisitos do formulário, conter todas as seguintes informações:
a) informações de contato
b) pequena biografia do jornalista proponente, focada na experiência profissional, com link de reportagens investigativas realizadas;
c) uma referência profissional com telefone de contato
d) informações de contato e pequena biografia dos demais participantes da equipe (se houver)
e) proposta de pauta inédita detalhada: 1. Pesquisa inicial; 2. Contexto, 3: Possíveis fontes.
f) plano de trabalho, incluindo tempo de pesquisa, métodos jornalísticos a serem empregados e produtos a serem entregues (texto, fotos, vídeo, infográficos);
g) plano de orçamento, incluindo todos os custos (passagens, transportes, diárias) e o pagamento do repórter, na proporção que o inscrito escolher.

Da seleção
A comissão de seleção será composta por representantes da Fundação Heinrich Böll, da Alter Conteúdo Relevante e do #Colabora.
A comissão de seleção levará em conta os seguintes critérios:
1. consistência na pré-apuração;
2. originalidade e relevância da pauta;
3. experiência do repórter e capacidade de realizar reportagens de forma independente;
4. segurança e viabilidade da investigação;
5. recursos e métodos jornalísticos a serem utilizados.
Pautas que envolvam infrações à lei não serão consideradas.
Os projetos selecionados serão anunciados a partir do dia 31 de março de 2022 no site do #Colabora.
Os selecionados receberão comunicação por e-mail, acompanhada de termo de compromisso, que deve ser assinado em duas vias e devolvido à Alter Conteúdo Relevante, organizadora do processo de seleção das bolsas.
Os selecionados se comprometem a não divulgar os projetos de reportagem.

Das reportagens
Os selecionados receberão metade da verba total da bolsa (R$ 5.000) a título de adiantamento, e a segunda metade depois da realização da reportagem.
Os recursos das bolsas podem ser utilizados para gastos com viagens e pesquisas, por exemplo, da maneira que os propositores decidirem, bem como a remuneração aos autores – tudo de acordo com o plano de orçamento apresentado no ato da inscrição.
O prazo de realização da reportagem não deve exceder três meses. No caso de o projeto não ser concluído no prazo, o selecionado deverá devolver integralmente o valor recebido.
Os selecionados terão reuniões de planejamento e acompanhamento das reportagens com os editores do #Colabora regularmente, em datas a serem combinadas. Na impossibilidade desse contato, serão fixadas novas datas, sem exceder o prazo máximo de 10 dias entre esses contatos. As reuniões podem ser realizadas remotamente.
Os organizadores se reservam o direito de editar o conteúdo final das reportagens, sempre em contato com o repórter, dentro do espírito colaborativo que vigora nos responsáveis pela iniciativa. A palavra final sobre a edição das reportagens fica a critério dos editores.
As reportagens geradas pelas propostas selecionadas serão publicadas no site do #Colabora e suas plataformas.
A ordem de publicação das reportagens fica a critério dos organizadores da bolsa.
Os autores cederão ao #Colabora o direito sobre o conteúdo publicado, que pode ser reproduzido em outros produtos.
As reportagens serão registradas com licença Creative Commons e, portanto, poderão ser republicadas livremente por outros veículos sem ferir direitos autorais.
A divulgação das reportagens será planejada pelos organizadores em parceria com os autores.

Obs.: Dúvidas sobre as bolsas e sobre este regulamento devem ser enviadas para o e-mail bolsareportagem@alterconteudo.com.br

#Colabora

Texto produzido pelos jornalistas da redação do #Colabora.

Newsletter do Colabora

Nossa newsletter é enviada de segunda a sexta pela manhã, com uma análise do que está acontecendo no Brasil e no mundo, com conteúdo publicado no #Colabora e em outros sites.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sair da versão mobile