• Mae e seus tres filhos na Bahia. Foto de Bernard Foubert/ Photononstp/ AFP

    Publicado em

    Brasil: metas da ONU sob risco

    Faz apenas três anos que o Brasil saiu do Mapa da Fome da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). Só que a fome continua à espreita. Só no Maranhão, 62% da população de 0 a 14 anos vivem em famílias com renda de até meio salário mínimo – condições econômicas tão […]

    Leia mais

  • Cemitério dos Ajinhos. Foto de Márcio Menasce

    Publicado em

    Muitas cruzes, nenhum funeral

    Não existe uma escala de angelicalidade no Cemitério dos Anjinhos. Escondido atrás de um bambuzal, no alto de uma colina, nos fundos do Cemitério São João Batista, em Botafogo, jaz uma sucessão de covas rasas, todas ocupadas por crianças com menos de sete anos. São milhares de cruzes e nenhum túmulo. Ser ou não ser […]

    Leia mais

  • Publicado em

    Beleza e destruição

    Uma visita ao sul do Amazonas, guiada pelas lentes do  jornalista Hermann Nass. A beleza da paisagem, às margens do Rio Purus,  contrasta com um cenário de pobreza e destruição. O município de Lábrea está na lista dos 36 que mais desmatam no país. Clique ou toque para ver a fotogaleria. Se estiver usando o celular, […]

    Leia mais

  • Sofia Valentina, de 7 meses, diagnosticada com microcefalia, dorme no colo da mãe Vera Lúcia enquanto aguarda consulta num hospital de Recife

    Publicado em

    A zika e as mulheres

    A amplitude da epidemia da zika é impressionante, mas são mulheres pobres as principais vítimas. A antropóloga Debora Diniz desembarca esta semana em Copenhague, capital da Dinamarca, para buscar em solo estrangeiro dar voz àquelas que vêm sendo esquecidas no Brasil enquanto todas as atenções voltaram-se para a crise política. Ela levantará o debate na […]

    Leia mais

  • Jovens consumindo informação digital em Gana

    Publicado em

    A democracia e os efeitos destrutivos da inovação tecnológica

    Mesmo os mais entusiasmados otimistas não têm como deixar de reconhecer que o aumento das desigualdades no mundo contemporâneo está, de alguma maneira, relacionado às vertiginosas mudanças tecnológicas pelas quais passa a economia global. Esta correlação é paradoxal. Em tese, a revolução digital colocou nas mãos das pessoas dispositivos cada vez mais poderosos, conectados em […]

    Leia mais