• O enredo da Porto da Pedra, em 2012, patrocinado pela Danone, cantava as maravilhas do yogurte. Foto de Custódio Coimbra,

    Publicado em

    A domesticação do samba

    Se o morro vive de samba, de samba eu vivo e morro. Esta foi uma das várias frases estampadas em garrafas que uma das marcas de cerveja mais vendidas do país lançou em 2016, numa edição especial com motivos relacionados ao samba e ao carnaval. A diretora de marketing da cervejaria declarou a intenção de […]

    Leia mais

  • A vista total para a Baía de Todos os Santos, prometida pelo empreendimento, é dos motivos da polêmica. Foto Divulgação

    Publicado em

    O espigão da discórdia

    No pé da Ladeira da Barra, um dos mais conhecidos trechos da Avenida Sete de Setembro, em Salvador, o canteiro de obras do futuro edifício La Vue pode passar despercebido. Dividindo espaço com bens tombados como a Igreja de Santo Antônio, o Outeiro de Santo Antônio e o Forte de Santa Maria, além da visão […]

    Leia mais

  • Bolsas feitas com lona ortofônica, revestimento de plástico vazado e maleável usado nos trios elétricos da Bahia. Foto de Divulgação

    Publicado em

    Reciclando o design

    No caminho da economia sustentável e da inclusão social, o projeto Iaô Design, em Salvador, Bahia, inova ao aproveitar lonas plásticas de banners publicitários em peças de moda e decoração.  O ponto de partida da ideia foi o reaproveitamento de um resíduo muito particular do carnaval de Salvador. Quem pensou em garrafas PET, latinhas de […]

    Leia mais

  • Publicado em

    Sinfonia do orgulho baiano

    Jovens músicos eruditos baianos vão tocar na capital francesa, nesta segunda-feira (dia 12), na tradicional Philharmonie de Paris, para uma casa lotada. Colocados à venda em maio, os ingressos esgotaram-se em 24 horas. Formada em sua grande maioria por jovens de comunidades pobres de Salvador, a Orquestra Juvenil da Bahia será a primeira brasileira a […]

    Leia mais

  • Publicado em

    Onde o Stomp é mais baiano

    Único brasileiro no consagrado Stomp, Marivaldo dos Santos saiu de Salvador em 1991, para ganhar a vida como músico em Nova York. Foi, viu e, cinco anos depois, venceu uma audição, entre mais de mil candidatos, para integrar um dos mais importantes grupos percussivos do mundo. Mas a Bahia jamais lhe saiu do pensamento. Mais […]

    Leia mais